Galerias ficaram lotadas de sindicalistas que acompanharam a aprovação do projeto | Foto: Stephanie Gomes / Agência ALRS / OA

Foi aprovado na tarde desta terça-feira (2) na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul o aumento de 16% do salário mínimo regional, por 41 votos a favor e nenhum contrário. Com a decisão dos deputados em Porto Alegre, o valor da faixa 1 de remuneração – a mais baixa – passa de R$ 868 para R$ 1.006,88.

O valor será de R$ 1.030,06 para a faixa 2 , R$ 1.053,42 para a faixa 3, R$ 1.095,02 para a faixa 4 e R$ 1.276 para a faixa 5. Além do aumento, a proposta prevê que trabalhadores do comércio hoteleiro, de restaurantes, bares e similares passam da faixa 1 para a faixa 4.

O projeto de autoria do Executivo entrou na pauta de votações desta tarde após uma decisão tomada na manhã do mesmo dia, durante uma reunião de lideranças coordenada pelo presidente do parlamento, Gilmar Sossella (PDT). A aprovação foi muito celebrada por sindicalistas que ocupavam as galerias do plenário.

Faixas
Pela proposição do Executivo, os Pisos Salariais Regionais corresponderão, de acordo com a faixa, a:

I – R$ 1.006,88 para domésticas, agricultura, pesqueira, construção civil, turismo, estacionamentos, hotéis e restaurantes;

II – R$ 1.030,06 para indústria do vestuário, calçados, tecelagem, artefatos em couro e papel, vendedores jornais e serviços de saúde.

III – R$ 1.053,42 para indústria do mobiliário, química, cinematográfica, alimentação, comércio em geral.

IV – R$ 1.095,02 para indústria metalúrgica, gráfica, vidros, cerâmica de louça, artefatos de borracha, seguros, vigilantes, etc.

V – R$ 1.276,00 para técnicos do nível médio.

Fonte: O Alvoradense