Ato em São Paulo teve bonecos infláveis de Lula e Dilma | Foto: André Tambucci / Fotos Públicas / OA

A manifestação pró-impeachment da presidente Dilma Rousseff reuniu mil pessoas em Porto Alegre neste domingo (13), segundo a Brigada Militar (BM). Esse foi o menor protesto contra o atual governo se comparado com os outros, que aconteceram em março, abril e agosto.

Na capital gaúcha, o ato aconteceu no Parque da Redenção. Os organizadores do evento contabilizaram cinco mil pessoas na manifestação. Houve também protestos contra o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e o presidente do Senado, Renan Calheiros.

Diversas cidades pelo Brasil contaram com protestos a favor do impeachment de Dilma. Centenas de municípios por 23 Estados participaram de manifestações. São Paulo foi o local com maior número de manifestantes – eram cerca de 30 mil.

Novos atos estão marcados para o dia 13 de março. Os organizadores acreditam que os protestos deste domingo contaram com público reduzido pelo pouco tempo de mobilização.

Fonte: O Alvoradense