Projeto lançado no último sábado quer construir um espetáculo envolvendo os jovens | Foto: SMJE / Diculgação / OA

Com a intenção de integrar crianças e jovens através da cultura e do envolvimento com a arte musical brasileira o projeto Nação Periférica que atua com crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social em Alvorada irá promover oficias de dança e percussão para jovens das comunidades Tijuca e São Pedro, além de alunos do projeto Segundo Tempo da Secretaria Municipal de Juventude e Esporte (SMJE).

O curso de iniciação a percussão terá três turmas de 30 alunos envolvendo os alunos das vilas São Pedro e Tijuca além dos alunos do programa segundo tempo da SMJE. As aulas de música e criação coreográfica ficam a cargo de artistas de destaque no Rio Grande do Sul. O projeto inclui transporte para os beneficiários até o local do curso.

Esse ano o Nação Periférica prepara com o apoio da SMJE a construção de um espetáculo intitulado “A Voz dos Tambores”. A preparação para o espetáculo teve seu pontapé inicial no último sábado durante a apresentação do projeto para as duas comunidades que devem participar da ação.

Os jovens interessados em participar das oficinas podem se inscrever na SMJE (Rua Porto Rico, 65). Será 90 vagas disponíveis e as inscrições permanecem abertas até o fechamento de todas.

As oficinas são gratuitas e acontecem na EMEF Gentil Machado de Godóy, na Rua Georgete de Godoy, 418 bairro Tijuca e tem horários diferenciados para as turmas.

Alunos do projeto Segundo Tempo assistem às aulas nas quartas-feiras das 16h às 18. Alunos da São Pedro aos sábados das 10h às 12 e da Tijuca domingos das 15h às 17h.

Fonte: O Alvoradense