Sangues negativos, em especial o O são necessários neste momento | Foto: FEPPS / OA

A comoção que tomou o Brasil e em especial o Rio Grande do Sul pode ser revertida em solidariedade. O Hemocentro de Porto Alegre, que até a tarde do domingo suspendeu a doação de sangue devido a alta quantidade de materiais, voltou a solicitar novas doações.

Devido ao grande número de mortos e feridos, a Secretaria Estadual da Saúde mobiliza a comunidade para a doação sangue durante as próximas semanas. Apesar do estoque ter sido suficiente para atender até o momento os casos de pacientes internados em Santa Maria e em Porto Alegre, o Governo do Estado pede o apoio da população para a reposição do material.

Em Porto Alegre, o Hemocentro localiza-se na avenida Bento Gonçalves, número 3722, e atende de segunda a sexta-feira das 8 às 18h, sem fechar ao meio dia. O pedido é válido para todos os tipos de sangue, em especial para os negativos, principalmente o tipo O negativo, que é doador universal.

A Secretaria Estadual da Saúde também alerta que é importante ter um estoque de segurança para o Carnaval. As doações podem ser realizadas em qualquer unidade da rede hemocentros públicos do Estado. As condições básicas para doar sangue incluem boas condições de saúde, portar documento oficial de identidade com foto e idade entre 16 e 68 anos incompletos. Menores de 18 anos precisam de autorização de pais ou responsáveis legais.

Fonte: O Alvoradense